Expansão da tecnologia, aumento populacional e no alcance da internet. Você sabia que o Brasil é o quarto país com maior acesso à internet e conta com mais de 200 milhões desses acessos por meio de rede sem fio? 

A partir desse cenário, com mais de dois bilhões de pessoas e seis milhões de anunciantes em todo o mundo, o Facebook IQ, área de marketing e divulgação de assuntos que são tendências na rede de Zuckenberg, traz 20 mudanças para o futuro, que segundo a rede, estão repletas de oportunidades.

Da realidade mista a aplicativos de mensagens como um caminho para a compra, aproveite as mudanças atuais para se preparar para crescer e se destacar no futuro”, destaca.

 

Confira a lista completa:

1. Identidades omniculturais: as pessoas adotarão formas de identificação pessoal mais personalizadas, complexas e fluidas;

2. Novas negociações: a relação pessoas e marcas deve evoluir na mesma proporção que a tecnologia;

3. A geração Y e o trabalho: enquanto aumentam em número e influência, a Geração Y transformará o mercado de trabalho como o conhecemos, priorizando os objetivos e a flexibilidade;

4. Além do envelhecimento: as pessoas estão vivendo de forma mais saudável, plenamente satisfatória e por mais tempo;

5. Compras perto e longe: as pessoas usam o comércio eletrônico para estimular negócios locais e para comprar em escala mundial;

6. TL;DR: as pessoas estão consumindo informações mais rápido em dispositivos móveis, principalmente as gerações mais jovens;

7. A explosão do vídeo para dispositivos móveis: nosso apetite por vídeo em dispositivos móveis não é apenas insaciável, é biológico;

8. Transmitir ao vivo: as pessoas esperam cada vez mais compartilhar (e receber) experiências mais coletivas e multissensoriais online;

9. Realidades fluidas: as pessoas já podem imaginar como a realidade virtual e tudo o que estiver relacionado poderão melhorar as vidas delas;

10. Oferecendo contexto: apesar de a voz estar em ascensão, o contexto determinará qual modo de envolvimento irá funcionar no momento;

11. Comércio convergente: agora, mais pessoas descobrem, consideram e compram itens usando dispositivos móveis;

12. Diferenciadores invisíveis: as pessoas gastarão cada vez mais dinheiro com quem oferecer uma experiência móvel simples e rápida;

13. Assistência muito pessoal: as pessoas esperam encontrar as experiências, o conteúdo e os produtos certos por meio de dispositivos móveis;

14. Mensagens representam negócios móveis: as pessoas estão usando aplicativos de mensagens para trilhar novos caminhos de compra;

15. Manutenção da fidelidade: se a praticidade for soberana, então a fidelidade será mensurada pela facilidade de assinatura e automação;

16. Somente dispositivo móvel: como bilhões de pessoas terão acesso a smartphones, muitas delas usarão dispositivos móveis como único meio de estar online;

17. Conectividade crítica: as pessoas do mundo inteiro valorizam e priorizam o acesso à Internet móvel;

18. Consolidação do aplicativo: como os aplicativos que as pessoas usam com mais frequência continuam acumulando funcionalidades, um conjunto menor de aplicativos básicos pode servir como um verdadeiro centro de compras;

19. Tudo conectado: a Internet das Coisas ganha espaço à medida que mais pessoas conectam os dispositivos, eletrodomésticos e até mesmo automóveis inteligentes;

20. Desenvolvendo no dispositivo móvel: muitos mercados emergentes superaram as linhas fixas e computadores, criando seus próprios universos centrados no celular.

Com essas tendências, cada vez mais a sociedade e as empresas estarão conectadas e em mudanças, aliando o marketing e comunicação às estratégias de negócios.